Fisioterapeuta, quanto vale sua Saúde?

O bem mais precioso que podemos ter, sem dúvida, é nossa saúde. Estamos habituados a fazer contas sobre quanto temos que ganhar ou guardar para ter uma vida confortável e digna. Porém, não temos o hábito de questionar quanto estamos protegendo e “guardando” a nossa saúde.

Mas o que este tema tem a ver com gestão, empreendedorismo… Será que o Bernardo errou o texto? Rs Vamos ver.. Convido, mais uma vez, a refletir comigo.

Imagine um Fisioterapeuta, com sua agenda lotada, atendendo seus clientes no seu consultório, ou mesmo realizando atendimentos domiciliares. Quanto a saúde e bem-estar do Fisioterapeuta pode afetar, positiva ou negativamente, este cenário? Quanto de prejuízo, um Fisioterapeuta nestas condições pode ter, se ficar algumas horas, dias ou semanas sem trabalhar?

Neste cenário, onde um colega com uma rotina bem produtiva, precisa se afastar para se recuperar de algo, ou mesmo, reduzir o ritmo de trabalho para “dar conta” dos atendimentos, lanço uns questionamentos para refletirmos:

 

“Será que ele vai procurar um atendimento de qualidade para tratar ou vai buscar o serviço mais barato? O que seria mais importante para ele: se recuperar logo e voltar a atender na plenitude ou conseguir se tratar com o menor custo mesmo que demore mais?”

 

Acredito que a maioria deve responder que o tratamento mais rápido, mais resolutivo é a melhor opção, ainda que custe mais caro. Pois quanto antes ele voltar a sua rotina de trabalho, mais condições ele terá de produzir e faturar mais. Concordam?

Se vocês acham que tem lógica o exemplo acima com um Fisioterapeuta, convido  transferir este contexto aos nossos pacientes. Será que eles valorizam voltar as suas funções com rapidez? Será que seria mais econômico ao nosso paciente receber um tratamento resolutivo, ainda que custe mais?

Acredito que sim. Temos que ajudar o paciente a visualizar os benefícios de reestabelecer suas funções com mais rapidez.

Afinal, nosso maior bem é a saúde, e nós, Fisioterapeutas, somos capazes e qualificados para oferecer aos nossos pacientes qualidade de vida e uma saúde plena para exercer suas diversas atividades pessoais e profissionais. Lembre: Não tem lógica precificarmos saúde, ou seja, FOCO máximo nela!!

 

Sucesso e bons Negócios

 

 

Últimos Posts
Comments
  • Karen Priscila Herthel Urbano
    Responder

    Excelente texto!!!
    Nossa saúde é nosso maior bem, assim como dos nossos clientes/pacientes.

Deixe um comentário